O Rio de Janeiro continua lindo...

Meu ano de 2007 começou no Rio de Janeiro...

Cidade grande no meio de um paraíso natural
Confusão e violência ao lado de paisagens de morro, água e verde
Favelas ao lado das praias
Altos executivos convivendo com surfistas
Lojas chiques frequentadas por gente de sunga
é... o Rio é um lugar único...

Passar uns dias no Rio, me fez entender um pouco mais da dinâmica da cidade, ver como convivem essas diferenças, apreciar a simpatia e boa vontade dos cariocas no atendimento aos seus turistas...

...me fez conhecer um Rio que é palco de guerra urbana, ataques, tiroteios, sequestros-relâmpago, ao mesmo tempo que recebe milhares de turistas para uma das maiores festas da cidade: o Reveillon de Copacabana!

...me fez conhecer coisas do Rio que vão além dos braços abertos do Cristo e o bondinho do Pão de Açucar...

Fui ao Jardim Botânico, caminhei por seus caminhos floridos, palco de tantos desfechos de novela da Globo...


Andei pela Lagoa Rodrigo de Freitas, cruzando diversos cariocas que, sempre preocupados com o corpo, correm às margens da Lagoa (e depois param pra tomar um Chá Mate Leão ou um suco de frutas)...


Subi o Morro da Urca (o irmãozinho menor do Pão de Açúcar... aquele mesmo, que se liga ao irmão maior pelo bondinho) caminhando! Sim, há uma trilha para subir até o topo do Morro da Urca! Sim, o caminho é lindo e verde (e ainda proporciona uns trechos de linda vista para a Praia Vermelha)! E sim, melhor de tudo: subir por aí é grátis! :)



Também andei por Copacabana, molhei os pés na água fria e de muitas ondas, andei pelo Calçadão de Copacabana, tomei água de coco... e cruzei o bairro que fica ali perto da praia... aquele bairro onde estão várias lojas chiques frequentadas por gente de sunga e saida de praia...


Saí a noite na Lapa... tomei pinga de metro na rua antes de entrar na boate... e curti a "night" carioca no bairro onde convivem diversos estilos de gente, de música, de roupa, de bebida... onde é possível estar em territorio carioca, mas ouvir musica pernambucana... e ainda por cima: dançar ciranda!!


Estive em Santa Tereza, o bairro antigo, de casinhas charmosas e ruas cheias de estilo... andei no Bonde de Santa Tereza no melhor estilo: pendurada pra fora do bonde!!! :)


O Bonde de Santa Tereza é um bondinho antigo, de madeira, que vai por trilhos escondidos em meio a uma paisagem verde que fica invisível a quem não vai de bondinho... e cruza por cima os Arcos da Lapa... sim, lá de cima era possível ver o bairro onde saí na outra noite... e sim, eu estava lá em cima pendurada!!


Também andei pela Lagoa Rodrigo de Freitas à noite... e encontrei todos os pipoqueiros, vendedores de pamonha, pizza, tapioca... todas as crianças brincando, os adeptos do esporte à noite (gente correndo, caminhando, andando de bicicleta), os que gostam de curtir a musica ao vivo nos barzinhos... ou aqueles que preferem sentar às margens da Lagoa, beber cerveja e apreciar a noite... Ainda estava montada, imponente, no meio da Lagoa, a famosa árvore de Natal com todas as suas luzes


Estive, ainda, em Niterói... cruzei a famosa ponte que liga as duas cidades, andei pela praia de Niterói e, é claro, visitei o Museu do Niemeyer... mais uma vez: esse cara sabe o que faz! Ele achou o lugar perfeito, na orla de Niterói, para pendurar um museu de arte... colocou o Museu de forma que se enxerga toda a praia, os prédios de Niterói, o Pão de Açúcar... e ainda se deu o trabalho de rechear o museu com janelas de vidro, de onde é possível observar toda a beleza da paisagem...


E, é claro, também estive na festa maior que o Rio preparava para seus turistas: o Reveillon em Copacabana!


Estive na praia de Copacabana com 1,5 milhão de pessoas, assistindo aos mais de 20min de fogos de artifício estourando sobre o mar de Copacabana...


Tambei brindei a chegada de 2007 com champagne barata, comprada dos ambulantes, e pulei as 7 ondas, logo após a chuva de fogos...

Me impressionei com a organização da festa... ao contrário da confusão que imaginava encontrar - com pessoas se empurrando, pisões no pé e ambiente onde me sentisse insegura - vi uma virada de ano sendo compartilhada por toda a família, desde as vovós em suas cadeiras e guarda-sol (para se proteger da chuva) até os bebês no colo de suas mães... todos desfrutando do espetáculo de fogos e curtindo a sua festa... 1,5 milhão de pessoas olhando para o céu e desejando um bom ano para os que estavam por perto...

Mas a noite de Reveillon não terminou aí... também fomos (nós e mais 1 milhão de pessoas) até a praia de Ipanema, onde o espetáculo prometia continuar... Black Eyed Peas... show para mais de 2 milhões de pessoas, na beira da praia...


Houve quem visse o show de dentro do mar, houve quem se esmagasse em frente ao palco... houve quem preferisse ficar de longe, curtindo a noite sem se preocupar tanto com quem estava lá no palco... e houve aquele que, como nós, apenas ouve o show :P
Por ter vindo de Copacabana, estávamos atrás do palco... chegamos a ficar ao lado dele... mas apenas ouvimos a música, dançamos, curtimos...
(e aí sim, no show, encontrei o aperto, os pisões no pé, as pessoas sendo empurradas, a multidão carregando quem estivesse em seu caminho)

Passar esses dias no Rio me fez conhecer mais dessa cidade, cartão postal que nossos turistas tanto adoram...


Me fez concordar com os cariocas ao dizer que o Rio também é cidade grande, como São Paulo, mas tem paisagem!


Me fez simpatizar com o sotaque carioqueixxx e com a alegria e malandragem do carioca marrento...

e me mostrou o lado bom e ruim da cidade onde o Cristo está lá em cima, mandando para os visitantes: AQUELE ABRAÇO!!


Alô, alô Bê, Lari, Irina e Dé... pela companhia nesses dias de Rio de Janeiro: muito obrigada e aquele abraço! ;)

(para mais fotos do Rio, clique aqui)

Comentários (1)comentários

1 Response to "O Rio de Janeiro continua lindo..."

  1. Debora, on maio 04, 2007 said:

    puxa, até q a gente fez bastante coisa no RJ, hein?
    as fotos do fim eu nao tinha visto ainda tb... as do Reveillon, e tal... adorei elas!
    bjoos